sábado, 8 de dezembro de 2018

Dois anos, dois acessos: a passagem histórica de Javali por Marau

Técnico que comandou equipe em 2017 e 2018 se despede da AMF. Foto: Alessandra Formagini
Clóvis Augusto Kümpel. O nome do técnico, mais conhecido como Javali, está marcado na história do esporte marauense. No comando da Associação Marauense de Futsal – AMF nos últimos dois anos, a passagem histórica do professor por Marau soma dois acessos consecutivos.

Porém, após duas temporadas, Javali fecha seu ciclo no clube. A confirmação aconteceu nesta sexta-feira (07), após encontro com a diretoria. A saída foi selada após a incompatibilidade de horários de trabalho no próximo ano, quando a equipe disputará a Liga Gaúcha Série Ouro, o que exigirá treinos diários.

À frente do time por 58 jogos, somando 35 vitórias, 13 empates e 11 derrotadas, Javali chegou ao município no dia 05 de dezembro de 2016 e ao longo do período marcou história em uma trajetória de ascensões consecutivas, além do título de Campeão Estadual Série Bronze 2017 e de Vice-Campeão Estadual Série Prata 2018.

Sem a concretização da renovação, a direção do clube agradeceu ao técnico Javali pelo importante legado deixado na AMF e também no esporte de Marau. “Não temos palavras para agradecer ao professor por tudo que fez pela equipe nesses últimos dois anos. É um grande profissional e uma grande pessoa que com certeza fez história aqui”, destacou o presidente Maurício Franceschi.

Ainda, a direção segue em fase de planejamento para a próxima temporada e, em breve, deve definir o nome do técnico da equipe para o ano de 2019.

domingo, 2 de dezembro de 2018

AMF é vice-campeã estadual Série Prata


Foto: Alessandra Formagini
Onze segundos. Esse era o tempo que restava no cronômetro quando a Associação Marauense de Futsal – AMF deixou pelo caminho o sonho de ser campeão estadual da Série Prata. Na noite deste sábado (01), o Ginásio Capinguí, em Passo Fundo, viu um time que não desistiu, buscou a vitória de virada no tempo normal, empatou na prorrogação, mas não conseguiu reverter o resultado para conquistar a taça.

Após a derrota em Marau, pelo placar de 5 a 2, a equipe marauense buscou a reversão do resultado fora dos seus domínios. Contra o forte time do Passo Fundo Futsal, o primeiro tempo foi de estudo de ambas as equipes, chances acumuladas e placar em branco até o intervalo.

Já na segunda etapa, quem saiu na frente foram os donos da casa, aos quatro minutos, com gol de Thales Borges. Na busca pelo resultado, a palavra escrita pela AMF em quadra foi superação. O empate veio logo depois, aos 10 minutos, com Esquerda em uma noite impecável. E, pressionando o adversário, a equipe marauense buscou chances e o gol da virada aconteceu a 1’46 do fim, com gol de Pará.

O resultado deu vida ao time de Marau, que garantiu a prorrogação da decisão. O tempo extra iniciou com um atleta a menos para o lado passo-fundense, após expulsão por agressão no final do tempo normal. A AMF soube aproveitar e no segundo minuto abriu vantagem com mais um gol de Esquerda. Ainda, o PFF igualou após cobrança de tiro livre, após sexta falta, cobrada por Nuno.

Com isso, o jogo tomou proporções ainda mais emocionantes. O gol que daria o título para a AMF foi marcado por Esquerda, fechando um hat-trick na noite. Porém, o sonho foi apagado a onze segundos do apito final, em um gol do Passo Fundo, marcado por Vini Costa.

O ano de 2018


O vice-campeonato estadual da Série Prata sela o ano de 2018 da AMF, que tem vaga garantida na elite do futsal gaúcho na próxima temporada. Ainda, confirma a ascensão meteórica do time que teve início em 2016, se tornou campeão estadual Série Bronze em 2017 e passou apenas um ano na divisão intermediária, somando dois acessos em dois anos.

Neste ano, foram ao todo 28 jogos oficiais, sendo 14 vitórias, oito empates e seis derrotas. Ainda, foram 80 gols a favor e apenas 63 gols sofridos, com um aproveitamento de 59,52%. Além disso, a meta marauense, que tem à frente o goleiro Cris Zaparoli, foi premiada como a melhor defesa da competição, com uma média de apenas 2,2 gols sofridos por jogo.

Já a artilharia da equipe é do camisa 10, Dionata, que marcou 15 gols. Na sequência, está Angelo (11), Maicon (10), Esquerda (8), Luft (7), Cris Zaparoli e Rômulo (5 gols cada), Luciano (4), Natan e Renato (3 gols cada), Pará, Pedro Fininho e Kiko (2 gols cada) e Jefe (1).

Além disso, ao longo da Série Prata, a equipe marauense percorreu pelo Rio Grande do Sul cerca de 4.800 quilômetros ao todo, passando ao todo por 10 cidades: Passo Fundo, Boa Vista do Buricá, Lagoa Vermelha, Alvorada, Salto do Jacuí, Horizontina, Fortaleza dos Valos, Rio Pardo, Santa Cruz do Sul e Guaporé.


FICHA DO JOGO 

PFF (2)1x2(2) AMF [Final – Série Prata] (01/12 – Ginásio Capinguí – Passo Fundo/RS) 
AMF: Cris Zaparoli, Natan, Esquerda, Angelo e Dionata. No banco: Rômulo, Maicon, Renato, Matheus, Pará, Pedro Fininho, Renato, Jefe, Zé de Oliveira e Chimia. Técnico: Edgar Carlesso. 
PFF: Zanco, Dani Ottoni, Gui Favero, Vini Costa e Romarinho. No banco: Rfa Missio, Schelder,Luis Guteres, Nuno, Thales Borges,Vitor Jesus, Cereta, Ismar e Lucas Gabriel. Técnico: Alexandre Boeira. 
Arbitragem: Ricardo Amaral Messa (árbitro principal), Fernando Luiz Henz (árbitro auxiliar), Micheli Alessandra Dalbão (anotador), Fernando Specht (cronometrista), Carlos César Quaresma da Silva e Wandernei Xavier Alves (representantes)
Gols: AMF – Esquerda (3) e Pará. PFF – Thales Borges, Nuno e Vini Costa.

sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Para fazer história: AMF encara Passo Fundo na grande final da Série Prata

Foto: Alessandra Formagini

A Associação Marauense Futsal – AMF faz neste sábado (1º) um dos jogos mais importantes da sua história. Em Passo Fundo, o time encara os donos da casa pela busca do título inédito de campeão do Estadual Série Prata. O jogo acontece a partir das 20 horas, no Ginásio Capinguí.

Para isso, a equipe marauense buscará reverter o resultado do primeiro jogo em Marau, quando no último sábado (24) perdeu pelo placar de 5 a 2. Dessa forma, precisa de uma vitória simples para levar o jogo à prorrogação. E, no tempo complementar, vencer novamente para erguer a taça.

Sem suspensões, a única dúvida no plantel é o ala Christian Luft, que sentiu a coxa na última partida. Ainda, a equipe foi surpreendida durante a semana pela expulsão do técnico Javali, que não estará na beira da quadra no jogo decisivo. O cartão vermelho foi anotado apenas em relatório, após o fim do jogo em Marau, e não informado em quadra.

Com ambas as finalistas classificadas para a Série Ouro 2019, os ingressos para a grande final já estão esgotados. A torcida marauense tem garantido 100 lugares no espaço visitante, também já esgotados. O ônibus da AMFúria sairá do ginásio municipal em Marau às 18h15min e a sugestão é que os torcedores marauenses que irão de carro ao jogo acompanhem o deslocamento.

domingo, 25 de novembro de 2018

AMF inicia decisão da Série Prata em desvantagem

Foto: Alessandra Formagini
O clima não poderia ser diferente: a história e o contexto atual confirmavam que em quadra estariam equipes tradicionais, finalistas do Estadual Série Prata. Com contornos de clássico regional, a Associação Marauense de Futsal - AMF recebeu o Passo Fundo Futsal –PFF para o primeiro jogo da grande final da competição. Para isso, mais de duas mil vozes estiveram no Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti, em Marau, no jogo que aconteceu na noite deste sábado (24). 

O confrontou iniciou no alto nível que confirmou ambas as equipes na Série Ouro 2019. Em um jogo estudado, a equipe da casa conseguiu dominar a partida em diversas oportunidades, porém, sem concluir em gol na primeira etapa. Neste contexto, o ditado do “quem não faz, leva” se fez presente e o PFF abriu o placar no início do segundo tempo, aos três minutos, com Thales Borges. 

Com o gol, a partida ganhou movimentação e, novamente com Thales Borges, os visitantes ampliaram o marcador. Na busca por descontar o placar, a AMF foi à frente, porém foi surpreendida por Romarinho, que fez 3 a 0. Com o resultado parcial, a equipe marauense teve como opção o goleiro linha porém, em chute de longa distância, o PFF levou a melhor e marcou com Schelder, faltando cinco minutos. 

Ainda, o fim de jogo tomou contornos ainda mais emocionantes, com a busca do placar pelos donos da casa. Em jogada de goleiro linha da AMF, aos três minutos do fim, Dani Ottoni aproveitou a abertura da defesa e marcou o quinto gol passo-fundense. Porém, o time de Marau seguiu insistindo no ataque e, de pênalti, Dionata descontou aos 36 segundos do fim. Logo depois, aos 12 segundos do apito final, novamente Dionata marcou para a AMF e fechou o placar em 5 a 2. 

Com a derrota, a AMF agora precisa vencer no tempo normal para garantir a prorrogação, onde também precisa vencer para garantir a taça. O jogo de volta da grande final da Série Prata acontece no próximo sábado (1º), às 20 horas, no Ginásio Capinguí, em Passo Fundo. 


FICHA DO JOGO 

AMF 2x5 PFF [Final – Série Prata] (24/11 – Ginásio Jatyr Francisco Foresti – Marau/RS) 
AMF: Cris Zaparoli, Rômulo, Angelo, Luft e Dionata. No banco: Esquerda, Renato, Maicon, Matheus, Pará, Pedro Fininho, Renato, Jefe, Nattan e Chimia. Técnico: Javali. 
PFF: Zanco, Dani Ottoni, Gui Favero, Vini Costa e Romarinho. No banco: Rfa Missio, Schelder,Luis GUuteres, Nuno, Thales Borges,Vitor Jesus, Cereta, Ismar e Lucas Gabriel. Técnico: Alexandre Boeira. 
Arbitragem: Emerson Silveira dos Santos (árbitro principal), Marco Antônio Serpa da Silva (árbitro auxiliar), Luis Fernando Junior (anotador), Samuel da Silva Atiya (cronomestrista) e João de Deus Mullet Pereira (representante). 
Gols: AMF – Dionata (2). PFF – Thales Borges (2), Romarinho, Schelder e Dani Ottoni.

sexta-feira, 23 de novembro de 2018

AMF contará com apoio da torcida na primeira final da Série Prata

Foto: Alessandra Formagini
Com a promessa de ginásio lotado, a Associação Marauense de Futsal – AMF busca a força da torcida para sair na frente na primeira partida da grande final do Estadual Série Prata. A decisão acontece em clássico regional, contra o Passo Fundo Futsal. E, neste sábado (24), a partida acontece no Ginásio Municipal Jatyr Franscisco Foresti, em Marau, a partir das 20 horas. 

Após a conquista do acesso à Série Ouro 2019, a semana foi de concentração, treinamentos e foco no próximo adversário. Com isso, desde a terça-feira (20), o trabalho tem sido intensivo na recuperação física e condicionamento tático. Para o jogo, o técnico Javali deve contar com o plantel completo à disposição, sem suspensões. 

Tradicionais na década de 1990, quando marcaram grandes clássicos em quadra, Marau e Passo Fundo se enfrentaram em duas oportunidades desde suas retomadas atuais. Neste ano, na primeira fase, AMF e PFF se enfrentaram em duas oportunidades, com vitória marauense por 4 a 2 fora de casa e empate em 1 a 1 em Marau. Ambas as equipes estão classificadas à elite do futsal gaúcho no próximo ano. 

Ingressos à venda 

A torcida marauense pode garantir seu lugar nas arquibancadas para o confronto decisivo. Os ingressos estão à venda no Dilda Vídeo, Milcon, Posto Cordazzo e Posto Sander Shell, já no segundo lote, no valor de R$25,00 (unissex). Crianças até 12 anos não pagam, estudante tem direito à meia-entrada com venda antecipada na sede da ASSUMA (Associação dos Universitários Marauenses) e sócio-torcedor AMF tem entrada gratuita. Os ingressos na hora estão sujeitos à disponibilidade.

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Inicia venda de ingressos para o primeiro jogo da final da Série Prata

Foto: Alessandra Formagini
Após conquistar o sonhado acesso à elite do futsal gaúcho, a Associação Marauense de Futsal – AMF agora busca mais uma meta: a taça de campeão estadual Série Prata. Para isso, conta com o apoio da torcida no primeiro jogo da grande decisão, em clássico regional, contra o Passo Fundo Futsal. O jogo acontece neste sábado (24), às 20 horas, no Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti, em Marau. 

E a torcida marauense já pode garantir seu lugar nas arquibancadas para o confronto decisivo. Os ingressos estão à venda no Dilda Vídeo, Milcon, Posto Cordazzo e Posto Sander Shell. O primeiro lote tem o valor de R$20,00 (unissex), o segundo lote custa R$25,00 (unissex) e crianças até 12 anos não pagam. Ainda, estudante tem direito à meia-entrada com venda antecipada na sede da ASSUMA (Associação dos Universitários Marauenses) e sócio-torcedor AMF tem entrada gratuita. Os ingressos na hora estão sujeitos à disponibilidade. 

A AMF garantiu vaga na grande final após eliminar a ABELC, de Boa Vista do Buricá, com empate em 4 a 4 fora de casa e vitória por 5 a 4 em Marau. Já o Passo Fundo Futsal se garantiu na decisão após eliminar a AGE de Guaporé com vitórias por 5 a 2 fora de casa e 4 a 2 em casa. Na primeira fase, AMF e Passo Fundo Futsal se enfrentaram em duas oportunidades, com vitória marauense por 4 a 2 fora de casa e empate em 1 a 1 em Marau. 

sábado, 17 de novembro de 2018

O dia que Marau amanheceu na Série Ouro 2019

Foto: Alessandra Formagini
O dia 17 de novembro de 2018 entra para a história do esporte em Marau. Após 15 anos, a cidade voltará a ter uma equipe na elite do futsal gaúcho. Neste sábado (17) a Associação Marauense de Futsal – AMF foi até Boa Vista do Buricá e, contra a ABELC, garantiu vaga na grande final da Série Prata 2018 e o acesso à Série Ouro 2019.

O feito marca a recente trajetória do time, retomado em 2016, atual campeão da Série Bronze. E a história foi escrita longe de casa – a cerca de 300 quilômetros de Marau. No Ginásio São José, a AMF jogou com a vantagem do empate, após vitória por 5 a 4 no primeiro jogo em casa. E, com placar de igualdade, 4 a 4, conquistou a classificação.

O jogo começou com pressão dos donos da casa, que buscavam reverter o resultado do primeiro jogo. Porém, o placar saiu do zero apenas a 2 minutos do intervalo, com Marcinho para a ABELC. Com o gol, a AMF reagiu e, antes do intervalo, igualou o marcador com o artilheiro Dionata, a 40 segundos do apito do juiz.

Na segunda etapa, a equipe marauense entrou em quadra mais atenta e, com cinco minutos, virou o marcador com gol de Maicon. Quatro minutos depois, foi a vez do capitão Rômulo ampliar o placar para a AMF. Porém, um minuto após, Marcinho, novamente, descontou para os donos da casa. Ainda, a equipe marauense mostrou volume de jogo e, com Esquerda, abriu 4 a 2. No fim, a pressão dos donos da casa surtiu efeito e, com Pablo, descontou a um minuto do fim. E, a seis segundos do apito final, Mosquito igualou o marcador.

Porém, o esforço dos donos da casa não foi o suficiente e, com o placar de 4 a 4, a AMF garantiu a classificação. Longe de casa, a conquista da vaga na Série Ouro e na grande final da Série Prata, disputada pela primeira vez, acordou Marau na madrugada de domingo (18), anunciando que Marau está de volta à elite do futsal gaúcho.

Agora, na grande decisão da Série Prata 2018, a AMF enfrenta o Passo Fundo Futsal em clássico regional. A busca pela taça inicia já neste sábado (24), com o primeiro jogo em Marau. Já a segunda partida será em Passo Fundo, no fim de semana seguinte. Mais detalhes sobre a partida decisiva em AMF e PFF em Marau serão divulgados no início da próxima semana.


FICHA DO JOGO
ABELC 4x4 AMF [Semifinal – Série Prata] (17/11 – Ginásio São José – Boa Vista do Buricá/RS)
AMF: Cris Zaparoli, Rômulo, Angelo, Luft e Dionata. No banco: Esquerda, Renato, Maicon, Matheus, Pará, Pedro Fininho, Jardel, Nattan, Zé Oliveira e Chimia. Técnico: Javali.
ABELC: Luis Guilherme, Muskito, Jones, Marcinho e Puia. No banco: Schester, Willian Bones, Seco, Pablo, Igor, Pelézinho, Felipe, Marquinhus, Barella e Alef. Técnico: Adão Vilanova.
Arbitragem: Ricardo Amaral Messa (árbitro principal), Rafael Peixoto Amaro (árbitro auxiliar), Fernando Specht (anotador), Alfredo Gartner (cronometrista) e Wandernei Xavier Alves (representante).
Gols: AMF – Dionata, Maicon, Romulo e Esquerda. ABELC - Marcinho (2), Pablo e Mosquito.

sexta-feira, 16 de novembro de 2018

AMF vai à Boa Vista do Buricá na busca pelo acesso à Série Ouro

Foto: Alessandra Formagini

Um jogo separa a Associação Marauense de Futsal – AMF do acesso à Série Ouro 2019. Na busca pela vaga na elite do futsal gaúcho, a equipe tem um desafio decisivo em Boa Vista do Buricá na noite deste sábado (17). No Ginásio São José, a partir das 20 horas, o time marauense enfrenta a ABELC pelo jogo de volta da semifinal Série Prata 2018.

Perante a um adversário de qualidade, a semana de preparo foi de foco e trabalho intenso. Para a partida, a AMF deve contar com a volta do fixo Renato, que estava suspenso, e de Maicon, que foi poupado na última partida. Na primeira partida, a equipe marauense venceu em casa, pelo placar de 5 a 4.

Com isso, para este segundo jogo, a AMF leva a vantagem do empate. Para garantir a vaga na grande final e também o acesso à Série Ouro 2019, a equipe de Marau pode empatar ou vencer a partida. Caso perca, o confronto segue para a prorrogação. Na outra semifinal, se enfrentam o PFF de Passo Fundo e a AGE de Guaporé.

sábado, 10 de novembro de 2018

AMF vence em casa e dá passo importante na busca pelo acesso à Série Ouro

Foto: Alessandra Formagini
A força contagiante da torcida nas arquibancadas do Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti, em Marau, tomou conta da equipe da Associação Marauense de Futsal – AMF. Neste sábado (10), o time recebeu a ABELC, de Boa Vista do Buricá, e deu um importante passo na busca pelo acesso à Série Ouro 2019. 

Pelo primeiro jogo da semifinal da Série Prata, a partida começou estudada por ambas as equipes. O placar foi aberto apenas aos 11 minutos quando o goleiro Cris Zaparoli, com um chute de longa distância, marcou e fez as arquibancadas vibrarem em Marau. Porém, a um minuto do intervalo, os visitantes buscaram a igualdade e conquistaram o empate dos pés de Alef. 

Na segunda etapa, a AMF buscou vitória e, aos 4 minutos, voltou à frente no placar com gol de Christian Luft. Um minuto depois, foi a vez de Nattan ampliar o marcador. Quatro minutos depois, Alef novamente, descontou para os visitantes. Com mais tranquilidade para tocar a bola, brilhou a estrela do pivô Angelo que, a 8 minutos do fim, marcou o quarto gol marauense. Três minutos depois, foi novamente dos pés dele, Angelo, que a bola tocou o fundo das redes. Porém a ABELC pressionava e, a quatro minutos do fim, descontou com Pablo. Ainda, foi novamente com Pablo, no último minuto, que os visitantes marcaram novamente. 

Com a vitória marauense por 5 a 4, a AMF leva vantagem para o segundo jogo da semifinal. Para garantir a vaga na grande final e também o acesso à Série Ouro 2019, a equipe de Marau pode empatar ou vencer a próxima partida. Caso perca, o confronto segue para a prorrogação. A partida de volta acontece no próximo sábado (17), às 20 horas, em Boa Vista do Buricá. 


FICHA DO JOGO 

AMF 5x4 ABELC [Semifinal – Série Prata] (10/11 – Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti – Marau/RS) 
AMF: Cris Zaparoli, Rômulo, Angelo, Luft e Dionata. No banco: Esquerda, Renato, Matheus, Pará, Pedro Fininho, Jardel, Nattan, Zé Oliveira e Chimia. Técnico: Javali. 
ABELC: Luis Guilherme, Schester, Willian Bones, Seco, Pablo, Igor, Pelézinho, Felipe, Marquinhus, Barella, Alef, Marcinho, Puia e Muskito. Técnico: Adão Vilanova. 
Arbitragem: Marco Antônio Serpa da Silva (árbitro principal), Carlos Eduardo Lima da Silva (árbitro auxiliar), Marcia Aparecida M. dos Santos (anotador), Elton Nelio Neimann (cronometrista) e Wnadernei Xavier Alves (representante de quadra). 
Gols: AMF – Cris Zaparoli, Luft, Nattan e Angelo (2). ABELC – Alef(2) e Pablo (2).

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Na busca pela vaga na Série Ouro, AMF recebe a ABELC

Foto: Alessandra Formagini
Com a expectativa de arquibancadas lotadas, a Associação Marauense de Futsal – AMF entra em quadra neste sábado (10) na busca por chegar mais perto da vaga no Estadual Série Ouro 2019. No Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti, em Marau, a equipe recebe a ABELC de Boa Vista do Buricá a partir das 20 horas.

E a torcida já pode garantir seu lugar para acompanhar as emoções da primeira partida da semifinal da Série Prata. Os ingressos, que já estão no segundo lote, estão à venda no Dilda Vídeo, Posto Cordazzo, Milcon e Posto Sander Shell. O valor é de R$20,00 (masculino) e R$15,00 (feminino). Ainda, os ingressos na hora estão sujeitos à disponibilidade. Sócio-torcedor AMF tem entrada gratuita e crianças até 12 anos não pagam.

Para a partida, o time marauense teve semana de intenso preparo. Ainda, a única ausência confirmada será a do fixo Renato, que está suspenso após expulsão na última partida. Na primeira fase, as equipes se enfrentaram em duas oportunidades, com vitórias marauenses por 5 a 1 fora de casa e 3 a 1 em casa.

Agora, o confronto entre AMF e ABELC decidirá quem será finalista da Série Prata 2018 e, consequentemente, conquistará uma das vagas de acesso à elite do futsal gaúcho. O jogo de volta acontece em Boa Vista do Buricá, dia 17 de novembro. Na outra semifinal, se enfrentam Passo Fundo Futsal e AGE, com o primeiro jogo em Guaporé, neste domingo (11).